Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Noticias > Professora do CDSA fala em entrevista sobre a transposição do Rio São Francisco e os impactos evidenciados
Início do conteúdo da página
Notícias

Professora do CDSA fala em entrevista sobre a transposição do Rio São Francisco e os impactos evidenciados

  • Publicado: Segunda, 08 de Mai de 2017, 18h04

Em entrevista na Rádio Monteiro FM, na última sexta-feira dia 5 de maio a coordenador do Laboratório de Ecologia e Botânica do Centro de Desenvolvimento Sustentável do Semiárido da UFCG, professora Alecksandra Vieira de Lacerda falou sobre a transposição do Rio São Francisco e os impactos evidenciados pela obra.

De acordo com a professora, foi um importante momento para a difusão do conhecimento sobre as questões de impacto que deverão ser refletidas, como aspectos resultantes deste processo de intervenção.

A professora também falou sobre o mapeamento das escalas dos recursos florísticos que vêm sendo feito pelo Laboratório ao longo dos cursos de água da região do Cariri, visando, com esse mapeamento, trabalhar as áreas degradadas. "Nossas áreas de rios e riachos estão muito degradadas. A minha preocupação é que com a chegada das águas, sejamos tendenciosos a desmatar cada vez mais".

"As nossas matas ciliares servem de elementos de proteção dos cursos da água, então nos nossos processo de intervenção não podemos desmatar para fazer cultivos e outros processos mais agressivos ao ambiente". "Podemos trabalhar com a reversão e recuperação das áreas degradadas e impulsionar os impactos positivos", disse a professora.

Veja a entrevista completa abaixo:

https://www.facebook.com/laeb.cdsa/videos/642667659255366/

 

 

(Rosenato Barreto - Assimp CDSA/UFCG)

registrado em:
Fim do conteúdo da página